Capa » Notícias Gerais

28 de Maio de 2021 às 08:00

Edital: Instituto Mirim

Após negociação coletiva que assegurou reajuste salarial de 100% do INPC (Índice Nacional de Preço ao Consumidor) mais 0,5% de ganho real, bem como o mesmo percentual nas claúsulas econômicas, é chegada a hora de ajudar o sindicato a continuar trabalhando com empenho pela categoria! Não permita que seu sindicato feche as portas. Escolha ter uma instituição forte, que está sempre de portas abertas para te receber e te auxiliar. Para isso, contribua e fortaleça sua categoria!

CLÁUSULA VIGÉSIMA SÉTIMA - CONTRIBUIÇÃO NEGOCIAL DOS EMPREGADOS

O IMCG descontará em folha de pagamento de cada empregado associado e beneficiado por este acordo, o valor correspondente a 3% (três por cento) de seus salários, sendo metade do valor descontada no mês de junho/2021 e a outra metade no mês de julho/2021, a título de contribuição negocial para o custeio financeiro do sindicato e negociação.

PARÁGRAFO PRIMEIRO: O IMCG descontará em folha de pagamento de cada empregado beneficiário do programa social do INSTITUTO MIRIM o valor de R$10,00 (dez) reais, descontada no mês de junho/2021 em parcela única, também a título de contribuição negocial para o custeio financeiro do sindicato e negociação, tendo em vista que estes também são beneficiados pelo acordo coletivo.

PARÁGRAFO SEGUNDO: Os valores descontados na forma desta cláusula serão repassados ao sindicato laboral, mediante pagamento de guias emitidas no site do SENALBA/MS (www.senalbams.com.br) ou diretamente na tesouraria, até o dia 15 do mês subsequente ao desconto. A falta de recolhimento implicará ao empregador, na multa diária de 0,33% (zero vírgula trinta e três por cento) sobre o montante não recolhido.

PARÁGRAFO TERCEIRO: No mesmo prazo do recolhimento desta contribuição, o IMCG remeterá ao SENALBA/MS, a relação dos empregados abrangidos pela contribuição negocial com os respectivos dados de cada empregado (nome, salário, valor do recolhimento, matrícula funcional) anexo à guia de recolhimento. PARÁGRAFO QUARTO: Para exercer o direito de oposição, o trabalhador deverá apresentar pessoalmente no Sindicato carta escrita de próprio punho, no prazo de 31.05.2021 a 09.06.2021


K Outras notícias